Promoção

Sermão: Os deveres do lar (Família Casais Casamento)

Pensar nos deveres do lar é pensar em nossa responsabilidade diante da família, e a Bíblia tem orientação segura para os pais que desejam ser bem sucedidos no exercício de sua missão. Deus precisa de famílias bem estruturadas para alcançar seus propósitos no mundo. O velho testamento foi escrito em uma perspectiva Hebraica, e aquele povo conhecia muito bem, a responsabilidade de um chefe de família. O homem era o cabeça do lar e como tal respeitado pela esposa que lhe chamava senhor. Era dele também a responsabilidade de ensinar religiosamente os filhos. Aqui no ocidente, a mulher conquistou mais rápido sua independência e hoje os deveres do lar são divididos. Ambos estudam, trabalham fora e fazem as tarefas do lar. Mas isso não nos isenta de nossa responsabilidade de transmitir a fé a nossos filhos. Quais seriam as soluções de Deus para proteger a família?

I- O pai deve cumprir seu dever

A Bíblia afirma que o pai tem três ofícios importantes dentro de casa. Ele é sacerdote, profeta e rei. Porque estes ofícios foram dados para o homem? O que isso significa para os nossos dias? Sacerdote – é aquele que comparece na presença de Deus, se ajoelha na presença de Deus, e ora, e fala, em favor do povo, em favor de alguém. O sacerdote intercede pelo povo. Assim o pai deve ser o sacerdote da família, deve interceder junto a Deus em favor da família. Bem aventuradas são as famílias cujos pais se ajoelham diante de Deus como sacerdotes do lar. Bem aventurado é o lar que os maridos oram em favor das esposas; que os pais oram em favor dos filhos, que os avós oram pelos netos. Como seria diferente o mundo se os pais cumprissem seu ministério sacerdotal junto as suas famílias. Temos o relato bíblico que Jó se levantava de madrugada e oferecia a Deus sacrifícios segundo o número de seus filhos “Nasceram-lhe sete filhos e três filhas. Iam seus filhos às casas uns dos outros e faziam banquetes, cada um por sua vez, e mandavam convidar as suas três irmãs para comerem e beberem com eles. …enviava Jó e os santificava; e, levantando-se de madrugada, oferecia holocaustos segundo o número de seus filhos; pois dizia Jó : Talvez meus filhos tenham pecado e blasfemado de Deus no seu coração. Assim o fazia Jó continuamente” Jó 1:2, 4 e 5. Jó era extremamente preocupado com seus filhos. Quantos pais se levantam de madrugada para orar em favor de seus filhos? Quantos estão preocupados com os pecados que seus filhos praticam? Não é de se admirar porque tantos filhos estão se perdendo; completamente longe de Deus e longe da Igreja. Há pais encobrindo o pecado de seus filhos, e por isso estão perdendo seus filhos. Profeta – Se o sacerdote é aquele que fala com Deus em nome da família; o profeta é aquele que fala à família em nome de Deus. É responsabilidade dos pais ensinar a Bíblia para os demais membros da família. A negligencia masculina tem sido um dos maiores problemas da atualidade; tem sido a causa de tantas tragédias nos lares; tem sido motivo de tantos filhos estarem envolvidos com drogas, sexo e mundo do crime. Onde estão os profetas da atualidade? Onde os pais que ensinam em nome de Deus? Graças a Deus que as profetizas estão se levantando e estão ensinando a fé aos filhos. Muitos daqueles que deveriam ser profetas, estão levando pornografia para dentro de casa, violência, palavras obscenas, além do álcool e as drogas. Infelizmente, aqueles de deveriam ensinar a Bíblia, estão ensinando coisas erradas a seus filhos. Se nossa religião não funciona dentro de nosso lar, é inútil e sem valor. Se o evangelho não faz diferença dentro de nosso lar, não convém que seja pregado para outras pessoas. É hora de banir a hipocrisia de nossas vidas, inclusive da vida de muitos lideres religiosos, que se quer tem momento a sós com Deus; muito menos em família. Sejamos profetas a partir de nossas casas, de nossos lares. Rei – rei é o terceiro ofício do pai. Ser rei não significa que vão esmagar a esposa e os filhos, mas que tem a responsabilidade de governar bem a sua casa, de saber onde seus filhos andam, determinar a hora que eles devem chegar em casa. Os pais tem a obrigação de saber tudo o que está acontecendo dentro do lar. Mas as vezes quem manda não é o pai é a mãe; e ela ajuda os filhos esconderem seus pecados do pai e muitas vezes o pai é a última pessoa a saber o que está acontecendo dentro de casa. Ouvi certa vez uma história. Havia um homem que tinha muito medo da mulher. E um dia ele estava em baixo da cama com medo da esposa. Então ela disse assim: saí de debaixo da cama. E ele respondeu: Eu não saio. Não saio porque quem manda aqui sou eu. Muitas esposas precisam assumir a direção do lar, senão tudo vai a breca. Os maridos são negligentes ao extremo. Damos graças a Deus pelas mulheres que assumem todas as responsabilidades do lar quando os homens se esquivam.

II- A mãe deve cumprir seu dever

A mulher é insubstituível dentro de casa. Uma semana sem a mãe tudo vira bagunça. Ainda podemos dizer isso, não sei por quanto tempo, pois nesse tempo muitas mulheres que se casam não sabem nada sobre cuidado com a casa; não sabem fritar um ovo ou limpar um banheiro. Mas a mulher é a construtora do lar, é a secretária, é a enfermeira, é a cozinheira, é a psicóloga, é a lavadeira, é a governanta do lar. É difícil entender como a mulher pode fazer tudo ao mesmo tempo e ainda trabalha fora para ajudar no sustento do lar. A mulher foi colocada por Deus ao lado do marido para juntos lutarem pelo lar. O que seria da Igreja sem o trabalho das mulheres? Precisamos orar pelas mães que estão chorando, que foram abandonadas pelos esposos que os filhos estão viciados nas drogas. Precisamos orar pelas mães que tem seus filhos presos. E na maioria das vezes a culpa não é dela, foi a omissão masculina e até o mau exemplo do pai. Precisamos orar pelas mães que estão chorando ao verem seus filhos pedindo comida e não tem dinheiro para comprar. A mulher foi dada ao homem como auxiliadora, cooperadora, companheira. Se, portanto, o marido não estiver cumprindo sua missão dentro do lar, não deixe tudo desmoronar, assuma você o papel de sacerdotisa, profetiza e rainha do lar. E assim você vai salvar sua família da ruína. Na omissão masculina a mulher em muitos casos toma a direção espiritual do lar.

III- Vocês precisam de Deus dentro do lar

Talvez você esteja pensando numa mobília nova, numa TV a cores, em comprar uma casa ou um carro. Muito bem! Isso é excelente. Mas lembre-se: Se Deus não estiver dentro de sua casa, ela será sempre vazia. Você precisa de Deus na hora dos problemas financeiros, na hora da enfermidade, na hora da morte de um ente querido, e da sua também. A alguns anos aconteceu algo maravilhoso, o reitor da universidade maometana, de Cairo, no Egito, se converteu a Jesus. Foi interessante sua experiência. Sua filha teve câncer e ele a mandou para Londres, para o hospital do câncer. Os médicos examinaram a jovem e chegaram a conclusão que não deviam operá-la, era caso perdido. Algumas senhoras que gostavam de fazer visitas aos enfermos, foram visitá-la no hospital e disseram que eram crentes. A moça ficou revoltada e as expulsou dizendo: Eu sou muçulmana, eu não preciso de vocês, eu não quero saber de vocês; eu tenho Alá como meu deus. Passadas duas semanas aquelas irmãs voltaram, lhe ofertaram flores, mas não falaram nada. A jovem aceitou. Na terceira semana voltaram e foi-lhes permitido abraçar a jovem. Da outra vez pediram para orar e a moça permitiu, pediram para ler a Bíblia e ela permitiu. Até que numa daquelas orações aconteceu o milagre, a moça foi curada do câncer. A ciência disse que ela não podia ser curada, mas Jesus a curou. Ela aceitou Jesus como salvador e Senhor e escreveu uma carta para o pai dizendo o que ocorrera e acrescentou: Papai, sou crente em Jesus Cristo! O pai protestou: Isso é impossível, prefiro vê-la morta a seguir esse Judeu. E a moça escreveu de novo: Papai, eu aceitei Jesus, ele me trouxe paz. Jesus me curou e me salvou. E o pai respondeu: vou mandar buscar você de volta, você não pode ficar ai, você tem que renunciar esse Jesus. Ela escreveu outra carta: Papai, eu prefiro ficar aqui, viver e morrer por Jesus a voltar para o Egito e não poder seguí-lo. Aquele pai ficou preocupado e começou a ler o Novo Testamento e numa noite teve um sonho e viu um homem vestido de branco que se aproximava de sua cama. Ele perguntou: Quem é você? Ele respondeu: Eu sou Jesus! Não moleste mais a sua filha, ela não te pertence, ela me pertence agora. Aquele homem não pode dormir o resto da noite, e chorando, entregou-se também a Jesus. Escreveu uma carta a universidade renunciando o seu cargo e abandonou o Egito, e junto com sua filha foram pregar o evangelho na Bélgica, como missionários.

Conclusão

Senhores pais, Jesus é a resposta. Ele tem poder para salvar sua família, para curar e para abençoar. Talvez seu lar esteja todo em pedaços. Jesus pode pegar os pedaços e reconstruir seu lar. Mas para isso você precisa de Jesus dentro de seu lar. Há pessoas que tentaram de tudo, já foram a psiquiatras, a psicólogos, já foram a macumba, e não conseguiram nada. Então convide Jesus para entrar em teu lar, para fazer parte de tua família e verás a diferença. O culto doméstico faz a diferença – Ceiça e Adriana. Você já fez tudo que podia fazer e nada adiantou, então faça esta oração: Jesus eu me rendo a Ti como meu salvador. Você pode pedir a Deus que abençoe o teu lar, há esperança para você. Ou talvez você seja um crente que está com a família destroçada? Deus ama você, e se você crê no seu poder, ele poderá resolver seu problema agora. Agarra-te com Jesus como Jacó fez no vale de Jaboque: “Eu não te deixarei ir enquanto não me abençoares, enquanto o Senhor não abençoar minha família”. Jesus está presente aqui, Ele enxugará de seus olhos toda lágrima. Ele está aqui presente nesta hora, você quer que ele seja o Senhor de sua vida e família? Reconheça então teus erros, teus pecados, confesse-os a Deus e diga: “Senhor, tem misericórdia de mim, eu aceiro a Cristo. Eu quero ser um pai melhor, que cumpra seus deveres de sacerdote, profeta e rei. Eu quero ser uma mãe melhor, um filho melhor, uma filha melhor. Jesus poderá fazê-lo melhor, aceite-o agora”.